Turismo

O Ceará registrou o melhor índice de volume das atividades turísticas do Brasil. De acordo com a última Pesquisa Mensal de Serviços do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), divulgada nesta terça-feira (14), o índice do Ceará cresceu 10% no acumulado dos últimos 12 meses, enquanto o do Brasil cresceu 3,3% no mesmo período. O Ceará já havia sido o estado com melhor resultado no acumulado de 2018 e vem mantendo a liderança nos três primeiros meses deste ano.

“Não há duvidas que esses números são reflexo do aumento do número de conexões e do investimento em publicidade e promoção do Ceará nos nossos principais mercados emissores de turistas. Nosso crescimento vem se mantendo e a tendência é que cresça ao longo deste ano. Com o sucesso do hub da Air France/KLM e GOL e dos voos da Latam, mais companhias aéreas têm nos procurado”, aponta o secretário do Turismo, Arialdo Pinho.
Conforme a pesquisa do IBGE, atrás do Ceará no ranking aparecem os estados de São Paulo (7,6%), Espírito Santo (4%), Pernambuco (3,4%), Goiás (2,2%), Santa Catarina (2,1%), Distrito Federal (1,9%) e Minas Gerais (1,2%). Os outros estados incluídos na pesquisa tiveram índice negativo: Bahia (-0,3%), Rio Grande do Sul (-1,1%), Rio de Janeiro (-1,5%) e Paraná (-6%). A pesquisa é referente ao mês de março de 2019 e ao acumulado de abril de 2018 a março de 2019.

Movimentação de passageiros

Os números do Aeroporto de Fortaleza mostram como os novos voos foram importantes para garantir o bom índice do Ceará. No primeiro ano de operação do hub Air France/KLM e GOL, a quantidade de passageiros estrangeiros subiu 102% de maio de 2018 a abril de 2019. Passou de de 251.854 para 510.823 passageiros. Já a quantidade de passageiros domésticos cresceu 16,6%, passando de 5,6 milhões para 6,6 milhões.
Mostrar texto das mensagens anteriores

MOVIMENTAÇÃO DE PASSAGEIROS INTERNACIONAIS NO AEROPORTO DE FORTALEZA CRESCE 103% APÓS HUB

Um ano após o início das operações do hub da Air France/KLM, o Estado já colhe os resultados do aumento no número de voos. De maio de 2018, quando o hub começou a operar, até março de 2019, dados consolidados mais recentes, a movimentação de passageiros internacionais cresceu 103% no Aeroporto de Fortaleza em comparação com o mesmo período do ano anterior. Passou de 232.073 para 473.158 passageiros estrangeiros após o hub. Hoje, o centro de conexões conta com um voo diário para a Europa, sendo três para Paris (Air France) e quatro para Amsterdã (KLM).
O incremento doméstico também cresceu, saltando de 5.290.224 entre maio de 2017 e março de 2018 para 6.126.922 no mesmo período do ano seguinte, um aumento de 15%. No geral, a movimentação de passageiros cresceu 19%. “Esses números mostram a força do hub. Nossa localização privilegiada e os incentivos que oferecemos foram fundamentais para a operação dos voos durante todos os dias da semana. A chegada do hub atraiu também novas companhias e o bom resultado tem feito com que mais empresas nos procurem”, destaca o secretário do Turismo do Ceará, Arialdo Pinho.
“Tivemos um crescimento muito rápido em pouco tempo. Começamos com quatro voos e já estamos com sete. Este ano, vamos capitalizar mais a capacidade, trocando de aeronave a partir de novembro. Isso representa um aumento de 12%”, destaca Jean-Marc Pouchol, diretor da Air France/KLM. Ele aponta que no início, os estrangeiros eram minoria. Hoje representam 60% dos passageiros. “Temos uma taxa de ocupação média de 90%. As reservas para os próximos seis meses permanecem nessa média, mesmo com o aumento no número de acentos. Isso significa que o mercado está acompanhando”, completa.
Para Eliseu Barros, presidente da Associação Brasileira da Indústria de Hotéis no Ceará (ABIH-CE), esse aumento tem sido sentido. “A ocupação hoteleira tem crescido e Fortaleza já está se consolidando como um destino internacional, passando a ser também um portão de entrada para esse mercado que até então ficava restrito a São Paulo e Rio de Janeiro. Os hotéis estão preparados todos os dias do ano porque a máquina não pode parar. Por isso temos investido no marketing e em capacitação pra não perder essa oportunidade”.
Juazeiro do Norte
Eduardo Bernardes, vice-presidente de Vendas e Marketing da GOL, anunciou nesta sexta-feira (3), que a companhia irá oferecer um voo entre Fortaleza e Juazeiro do Norte e outro entre Guarulhos e Juazeiro do Norte, que deve operar quatro vezes por semana, suprindo a demanda deixada pela Avianca.